RSS

Porque com você tudo é assim

Com você...
Eu aprendi como é bom viver, como vale a pena sonhar e como não vale a pena pensar em te perder.
Porque se eu penso nisso eu choro sem consolo...
E já sinto que preciso do teu abraço o tempo todo.
Porque cada vez que nos tocamos eu tenho esse sentimento.
Aquele que teu beijo me faz voar.
Imaginar horizontes, campos abertos e flores. Mãos dadas, beijos suaves...
Porque com você tudo é mais bonito.
Mas... por que olhando as suas fotos antigas... eu choro?
Não de felicidade? Porque é difícil te ver em outros braços mesmo quando eles agora pertencem a mim somente?
Porque eu te amo.
Porque a tua falta é um buraco de ferida que arde dentro do meu peito.
O que me consola é saber que ainda existe uma chance pra nós dois... ou várias. E que este universo sem tamanho conspira para que esse amor seja vivido.
E que você me ama da mesma maneira.
Porque tudo que eu quero é estar em seus braços, o melhor lugar onde eu posso estar.
Onde eu sou inteiramente feliz...
E continuarei sendo.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

10 comentários:

Bianca de Borba disse...

lindo, adorei seu blog, voltarei mais vezes, e to te seguindo!
Beijão!
http://silentnightyes.blogspot.com/

Felipe "Miro" 'Dreads' disse...

Ahh o amor platônico... coisa tão piegas... coisa tão...

sem graça...

Vanessa disse...

spaokspoak, desculpe acho que você entendeu mal. O texto fala de um amor verdadeiro que não pode ser vivido. Não um amor platônico, um amor real.

A Arte de Escrever disse...

Excelente post!, parabens!
http://refletindonomundo.blogspot.com

Edgard ♠♦O Pierrot♥♣ Antonello disse...

Muito bons os texto daqui... muito bons mesmos. Posso vou seguir ok? Dá uma olhadinha num texto meu chamado "Mármore", axo q é a sua cara! abraço e sucesso :p

luiza! disse...

Legal.
http://thingsithink123.blogspot.com

Edgard ♠♦O Pierrot♥♣ Antonello disse...

Obrigado pelo grande elogio. Espero que aproveite todos os textos que tenho a oferecer.

Saudações do Pierrot.

ENDORFINAA disse...

engraçado e triste q há alguns meses eu sentia esse sentimento, esse amor descabido e sem medidas.... hj tento não chorar, tanto não lembrar mas sei que antes tarde do que nunca. Antes de amar ao proximo, devemos amar a nós mesmos, eu aprendi isso tarde d +, espero q com vc não seja assim.
Mta sorte, paz e endorfina pra vc ;)

Karlo Almeida disse...

Você escreveu esse texto baseado em uma experiência?

O seu texto está lindo

Estou com uma mémória que se encaixa perfeitamente nesse texto, e ele me fez sentir muito bem.

Obrigado

té mais

http://karloalmeida.blogspot.com/

Pobre esponja disse...

Quando o universo conspira a favor nada pode contra o amor. Nossa, filosofei! Mas é papo sério.

bj
Pobre Esponja

Postar um comentário